Sikur anuncia plataforma bancária e loja de aplicativos

By: TI Inside Online

Após entregar o SIKURPhone em2018, o primeiro smartphone totalmente criptografado e seguro, a SIKUR expande seu mercado de atuação ao anunciar durante do Mobile World Congress, em Barcelona, o conceito de Trading Station -um ecossistema de soluções financeiras e transacionais, orientadas à negócios em um ambiente totalmente integrado e seguro.

“Na MWC 2018 inovamos e entregamos o primeiro smartphone com Sistema Operacional Seguro, com uma carteira capaz de armazenar criptomoedas. Revolucionamos o mercado, mas sabíamos que poderíamos entregar muito mais. Nossa base sólida construída a partir do SikurOS permitia uma expansão no mercado atendido. A evolução é natural, quando se domina um mercado tão específico, com tanta segurança.”, diz Cristiano Iop, CEO do SIKUR

“A democratização do ambiente tecnológico e a regulação dos bancos centrais aceleraram o processo de desconstrução criativa dos meios de pagamento. Os meios de Pagamentos estão se adaptando às mãos dos usuários, migrando, de um cartão plástico físico para algo mais sofisticado: software embarcado em devices móveis com dupla garantia em Cloud. Isso faz com que algumas verticais de mercado, como Varejo e Operadoras, se reinventem e assumam novo papel. Alguns agentes históricos não estão atentos para o impacto que isso terá se não for implementada a segurança adequada. Isso é apenas um dos problemas que o SIKUR Trading Station pode resolver.”, diz Fábio Fischer, vice-presidente executivo do Sikur

O SIKURPhone foi testado por hackers da HACKERONE e foi aprovado em todos os seus testes de segurança.

Estudos da área de inteligência de mercado do Sikur indicaram problemas comuns que diferentes verticais enfrentam, quando o assunto é segurança. HealthCare, Operadoras, Financeiro, Varejo, Corporativo e Governos, além de sistemas orientados a transações ou que possuam necessidade de compliance regulatória, sofrem com a falta de segurança em dispositivos móveis o que acaba fragilizando toda a cadeia de negócios, potencializando perdas financeiras, entre outras.

Não é possível garantir a segurança se não há controle de todas as instâncias envolvidas. A relevância desse tema em comunicação empresarial e governamental já é conhecida pela empresa, mas esse assunto toma outra proporção e relevância quando o tema são transações que gerem impactos financeiros.

Mais: http://tiinside.com.br/tiinside/seguranca/mercado-seguranca/26/02/2019/sikur-anuncia-plataforma-bancaria-e-loja-de-aplicativos/